data: 7, 8, 9, 10 e 11 de Dezembro de 2007.
locais:
- Mercado Central - Coreto - Avante / Lençóis - Bahia

sub>midiátic@s


Os meios constituem uma potência acima de todas as outras. Submidialogia se trata de re:volver o modelo de pensamento e ação que se coloca sobre os meios tecnológicos de informação. A conferência é um debate que articula redes, ações e pensamentos em torno de novas formas de compreensão e práticas sobre tecnologia e culturas. Existe uma parte não revelada do diálogo entre operação e concepção que os meios tecnológicos impõem às culturas. As discussões de como, por que e por onde atuar, se fazem necessárias se desejamos legar nossas experiências e percepções e contribuir para um novo modelo de compreensão e práticas em um mundo altamente mediado pelos recursos tecnológicos.
 
Os meios apresentam-­se como potencialidades a serem exploradas por vários tipos de atividades. Significam operações, produções, reproduções e transmissões para diversos fins: políticos, culturais, fruitivos, educacionais etc. Há que se notar também o caráter totalitário e racional a tecnologia, que padroniza, subjuga e exige certo tipo de conduta, razão e temporalidade, fazendo do desafio de “tornar a sociedade tecnológica uma obra de arte” um passo extremamente difícil de ser dado.

É nossa intenção fortificar os elos entre pessoas que se interessam nas questões que envolvem a conferência e aproveitar o evento para a mostra, troca e aquisição de produções entre os participantes. Para isso, pedimos que tragam material para ser intercambiado e exposto durante ela. Gostaríamos de sair daqui com objetivos e projetos, planos para uma troca de material e idéias entre os envolvidos e planejamento de novos eventos (sejam festivais, encontros, conferências, festas, publicações etc.). Ressaltamos o aspecto não especialista e transdisciplinar da conferência,
que pretende fugir do formalismo da tradição de eventos de debates, e desfocar a legitimidade dos discursos e práticas em mídia levados a cabo por profissionais e tecnocratas.

Cocem suas cabeças.

Confiram o código fonte do site.